Kaputt foi, para mim, um dos álbuns que mais marcou o ano de 2011 com o aguardado regresso do produtor veterano Dan Bejar, mais conhecido por Destroyer. Apesar do nome aparentemente agressivo, a música do cantor e autor é amena e melodiosa, navegando entre universos sonoros de acid-jazz orgânico e registos indie rock fantasiosos, misturados com encantamentos de saxofone e vocais que adormecem os sentidos.

Depois do vídeo surreal de “Kaputt“ o artista partilha “Savage Night At the Opera”, realizado por David Galloway, que põe em confronto imagens de velocidade urbana com as notas suaves da canção, um sentido de urgência premente justificado nos últimos segundos do final.

Kaputt está disponível pela Merge Records.

 

Pedro Lima

Subscreve a Punch TV!