O EDP Paredes de Coura começa já no dia 13 de Agosto, e como não podia deixar de ser, preparámos um guia para vocês levarem ternamente convosco, caso percam o rumo a alguma coisa. Não vos vamos dizer que concertos devem ver, até porque podem ver um bocado de tudo. Podemos sim dizer que não devem perder Friends, Totally Enormous Extinct Dinosaurs e tUnE-yArDs, as nossas grandes apostas deste ano. Escusado será dizer que Ornatos Violeta não se repete!

HORÁRIOS

Podes descarregar o horário para impressão aqui.

MAPA DO RECINTO


COMO CHEGAR:

 

A informação vem do site oficial do Festival e quem somos nós para falar melhor que eles:

De comboio (Alfa Pendular/Intercidades)

Depois de chegar ao Porto, existe uma ligação de comboio regional até Valença do Minho. Durante os dias do festival haverá ligação (sempre que se justificar) de autocarro da estação de comboios até ao Festival.

Consulta aqui os Horários da CP:
http://www.paredesdecoura.com/flyer_horariosCP_AF.pdf

Para informações detalhadas sobre os horários dos comboios consulte www.cp.pt.

Autocarro

Para simplificar a vida de todos os que estarão presentes no Festival EDP Paredes de Coura, a organização concretizou uma parceria com a Renex, com autocarros a diversas horas e desde os seguintes pontos do país até Paredes de Coura: Vila Real de Santo António, Lagos, Lisboa, Coimbra, Porto e Braga.

Consulta aqui os preços e horários da Renex:
http://www.paredesdecoura.com/renex2010.pdf

Carro

Vindo pelo Porto ou por Valença, o ponto de referência é a A3, saída Paredes de Coura, sendo que depois seguem pela EN303.

Se vierem de Lisboa, apanhem a A1 ou A8 até ao Porto, e a partir daí é seguirem as instruções de cima!

CONSELHOS PRÁTICOS

 

- Pensem que Paredes de Coura é um micro-clima muito, muito sensível. Tanto pode estar sol, como pode estar chuva. Às vezes os dois ao mesmo tempo! Assim sendo, levem não só o fato de banho como as galochas, pode sempre dar jeito!

- Vão o mais cedo possível, já que há uma porrada de sombras para aproveitar. No entanto, a sombra não é infinita e se forem apenas no primeiro dia o mais provável é acordarem cedinho com o sol a “estufar” o vosso albergue. Mas podem sempre acabar a sesta à beira rio.

- Toda a gente sabe que se come bem no Norte e Paredes de Coura não é excepção. Vão às variadas tascas que existem (há um buffet no centro muito em conta), comam e apreciem a belíssima terra.

- Está frio e tu és fã de banhos quentes. Pois bem, existe uma solução – as piscinas municipais têm os balneários abertos e prontos para receber os mais sensíveis de pele, a um preço módico de 50 cêntimos. Se forem tarde, a água já fica morna/fria, mas é sempre melhor que os chuveiros do recinto.

João Pacheco

Subscreve a Punch TV!