Estamos sensivelmente a menos de uma semana do TRY FEST, a grande celebração da cultura urbana em Lisboa. Único na sua essência, tem a premissa de dinamizar o coração da cidade de Lisboa [realizar-se-á num picadeiro no Príncipe Real] e de ser uma experiência imersiva, quase como um mergulho, no mundo das várias artes. Depois de se terem apresentado, na rubrica 7×7, os The Quiet Times, estão encarregues das sonoridades para o dia de hoje! Façam a festa e pensem, o TRY FEST está mesmo a chegar…

A convite da Punch, e a propósito da sua passagem pelo TRY FEST, decidiram criar esta mixtape sensacional, estes 45 minutos são um reflexo do que nós somos e gostamos de tocar. Pôr tudo de nós em tão pouco tempo é sempre um desafio, no entanto ficou bem completo. A inspiração veio “dos suspeitos do costume”, música da qual gostámos, sem barreiras ou preconceitos sempre com um “greater good” em vista, a viagem.

A ilustração, ficou mais uma vez a cargo de Inês Vilalva:
Penso que a mixtape tem uma sonoridade bastante oriental e zen, sendo que à medida que vai desenrolando vai mostrando um lado que, continuando a ser zen, foge aos sons mais tradicionais.O que eu fiz foi pegar no simbolismo chinês do dragão e quis dar-lhe uma vibe mais groovy, com cores mais suaves – fugindo dos vermelhos e pretos que são o mais tradicional para este tipo de ilustração. Nos quatro cantos da moldura representei cada um dos 4 elementos – para simbolizar o equilíbrio.

Punch Redação