As agendas da Punch chegam todas as semanas até vocês para vos mostrar o que melhor podem ver na cidade de Lisboa (e pontualmente, no resto do país). Esta semana, é uma daquelas em que a cidade está viva e cheia de movimento. Passa-se tudo, e mais alguma coisa, nos vários cantinhos da capital. Fica aqui uma, recheada, lista de sugestões para que nada vos falte.

Irreversible Entanglements, Galeria Zé dos Bois (Terça-feira, dia 5 de Fevereiro)

Os Irreversible Entanglements são um colectivo de jazz proveniente dos Estados Unidos. São versáteis e prometem tornar o segundo dia da semana mais agitado. Os bilhetes custam 10 euros.

Yo La Tengo, Capitólio (Quarta-feira, dia 6 de Fevereiro)

Os grandiosos Yo La Tengo estão de volta a Portugal, com passagem em Lisboa e no Porto. Na capital, o regresso, é celebrado já esta quarta-feira, dia 6 de Fevereiro. Adoçantes para a audição, prometem contagiar e encher os corações alheios com muito amor musical. Com a descida do IVA, o bilhete ficou mais barato e custa agora 25,33 euros. Tudo belos presságios para que não faltemos ao concerto. Com o cunho da Sons em Trânsito.

The Last Internationale, Musicbox (Quinta-feira, dia 7 de Fevereiro)

Os The Last Internationale estão de volta a Portugal para apresentar o novo álbum “Soul On Fire”. O país já sente saudades deles e eles sabem disso. Marcaram datas pelo país inteiro e é na próxima quinta-feira que tocam em Lisboa, por 10 euros.

Music is the Weapon : They Must Be Crazy plays Fela Kuti, B.leza (Quinta-feira, dia 7 de Fevereiro)

Também na quinta-feira, mais à beira do rio, o B.leza recebe os They Must Be Crazy. Irão tocar Fela Kuti, com convidados especiais como Selma Uamusse, David Pessoa, Gonçalo Sarmento ou JuJu Awá. Se enviarem um mail com os vossos nomes, a banda cobra apenas 5 euros. À porta, no dia, é 7 euros.

Festival Antena 2 | L.U.M.E., Teatro D. Maria (Sexta-feira, dia 8 de Fevereiro)

O Festival Antena 2 irá decorrer ao longo desta semana, na capital. É a propósito disto, que o Teatro D. Maria terá o gosto de receber o projecto criado e dirigido por Marco Barroso, L.U.M.E. (Lisbon Underground Music Esemble). Por apenas 10 euros, podem ter a garantia de um pôr do sol mais bonito.

Jasmim, Galeria Zé dos Bois (Sexta-feira, dia 8 de Fevereiro)

Antes de se lançar a solo, conhecíamos o Jasmim da banda Mighty Sands. Vai agora, na próxima sexta-feira, à Galeria Zé dos Bois para o lançamento, do disco Culto da Brisa. A primeira parte está a cargo Cian Nugent. Em pré-venda custa 6 euros, e no dia 8 euros.

Galo Cant’Às Duas, Sabotage Club (Sexta-feira, dia 8 de Fevereiro)

A oferta de sexta-feira é grande, e para quem gosta de ritmos mais pujantes nada como ir até ao Sabotage ver Galo Cant’Às Duas. “Os concertos do duo são um expulsar de energia rítmica e harmónica, viajando pelas texturas tanto desejadas desde o início do projeto”, pode-se ler na pequena biografia do evento. Quem é que se atreve a ir verificar? Custa 6 euros.

Royal Bermuda, Musicbox (Sábado, dia 9 de Fevereiro)

Um bom programa para sábado é ir até ao Musicbox ver o concerto de lançamento do disco, “Paraíso Cafajeste”. É do duo Royal Bermuda e os bilhetes são 5 euros.

Vaiapraia, Sabotage (Sábado, dia 9 de Fevereiro)

Vaiapraia tornou-se rapidamente um dos artistas portugueses mais célebres com o lançamento de “1775″. O projecto já tocou em vários locais icónicos, como o Super Bock Super Rock, Milhões de Festa, Lux Frágil ou Maus Hábitos, e vai agora ao Sabotage Club animar a noite de sábado. O bilhete tem o custo de 6 euros.

Echo & The Bunnymen, Lisboa ao Vivo (Domingo, dia 10 de Fevereiro)

O regresso dos históricos Echo & The Bunnymen a Portugal, pela At The Rollercoaster, vai com certeza dar que falar. Com potencial para ser um dos concertos do ano, a data de Lisboa está quase esgotada. Como não? Uma banda que tanto faz sorrir a alma. Não seria para menos. Será de acordes docemente românticos que a sala, Lisboa ao Vivo, se encherá a sala. E, os nossos corações também. Custam 30 euros, os restantes bilhetes.

Punch Redacção