Os PLAY – Prémios da Música Portuguesa estão de volta para a sua segunda edição. Este evento anual tem como objetivo premiar a melhor música produzida em Portugal, destacando os seus artistas, os vários estilos e géneros. Estes prémios são promovidos pela AUDIOGEST e pela GDA, através da PASSMUSICA. 

Esta edição dos PLAY – Prémios da Música Portuguesa vai voltar a ter transmissão televisiva na RTP 1, em direto a partir do Coliseu dos Recreios de Lisboa, no dia 25 de março de 2020, às 21h:00. Durante esta noite, vamos premiar 13 artistas, dos 44 nomeados, bem como poderemos assistir a 9 atuações musicais ao vivo, tudo comandado por Filomena Cautela e Inês Lopes Gonçalves.

Ao contrário do ano passado, nesta segunda edição foram suprimidas duas categorias que estiveram a prémio no ano anterior. Melhor Artista Internacional e Melhor Canção Internacional, as quais foram substituídas pelas categorias: Melhor Artista Masculino; Melhor Artista Feminino; Melhor Álbum Jazz e Melhor Álbum Música Clássica/Erudita, os nomeados para estas duas últimas categorias serão revelados posteriormente.

Este ano serão destacadas as seguintes categorias:

Categorias PLAY – Prémios da Música Portuguesa

  • Melhor Grupo (Votado pelo Júri)
  • Melhor Artista Masculino (Votado pelo Júri) Nova Categoria
  • Melhor Artista Feminino (Votado pelo Júri) Nova Categoria
  • Melhor Álbum (Votado pelo Júri)
  • Melhor Álbum Fado (Votado pelo Júri)
  • Vodafone Canção do Ano (Votado pelo Público)
  • Prémio Lusofonia (Votado pelo Júri)
  • Melhor Videoclipe (Votado pelo Júri)
  • Artista Revelação (Votado pelo Júri)
  • Melhor Álbum Música Clássica/Erudita (Nomeados votados por Comité de Júri específico da área) Nova Categoria
  • Melhor Álbum Jazz (Nomeados votados por Comité de Júri específico da área) Nova Categoria
  • Prémio da Crítica (não tem nomeados, votado por um painel de 10 críticos)
  • Prémio Carreira ( votado pela Audiogest, GDA e PassMúsica)

As categorias e nomeados são:

Melhor Grupo 
Capitão Fausto
Expensive Soul
Mão Morta
The Gift

Melhor Artista Masculino
Diogo Piçarra
Fernando Daniel
Salvador Sobral
Slow J 

Melhor Artista Feminino 
Aldina Duarte
Ana Bacalhau
Blaya
Lena D’Água

Melhor Álbum 
“Aqui Está-se Sossegado” – Camané & Mário Laginha
“A Invenção do Dia Claro” – Capitão Fausto
“#FFFFFF” Profjam
“You are forgiven” – Slow J

Melhor Álbum Fado
“Aqui Está-se Sossegado” – Camané & Mário Laginha
“Respeitosa Mente” – Ricardo Ribeiro
“Roubados” – Aldina Duarte
“Um Fado ao Contrário” – Pedro Moutinho

Vodafone Canção do Ano 
“Amor, a nossa vida” – Capitão Fausto
“Bairro” – Wet Bed Gang
“Bússola” – Nenny
“Também sonhar” – Slow J 

Prémio Lusofonia
“Menina Solta” – Giulia Be
“Sonhos” – Tainá
“Um Pôr do Sol na Praia – Silva & Ludmilla
“Terremoto” – Anitta & Kevinho

Melhor Videoclipe 
“Catavento da Sé” – António Zambujo
“Hear from You” – Branko, Sango, Cosima, ProfJam
“Grande Festa” – Lena D’Água
“Verão” – The Gift

Artista Revelação
Bárbara Tinoco
Murta
Nenny
Tiago Nacarato